Eventos

<<  Dezembro 2017  >>
 S  T  Q  Q  S  S  D 
      1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Terça - 12 de Dezembro de 2017
Homem invade casa de ex e é morto
Polícia
Escrito por André Rossi   
Sex, 20 de Abril de 2012 14:18
À FACADA
 
Antônio Carlos de Oliveira estava impedido de se aproximar da ex-companheira pela lei Maria da Penha
 
 


Um homem morreu esfaqueado pelo filho da ex-companheira depois de tentar agredi-lo na tarde do dia 14 de abril (sábado), por volta das 16h em uma residência na rua São Vicente de Paulo. As informações foram obtidas na Delegacia de Polícia de Rio das Pedras.

Antônio Carlos de Oliveira, 45, era frequentemente chamado na delegacia em virtude de seus problemas com a ex-companheira, L.C.S, 33. A mulher, que é dona de casa, solicitou medida protetiva elencada na lei Maria da Penha devido às agressões que Antônio praticava em um dos filhos de L.C.S. Esse menino, inclusive, está em um abrigo de Rio das Pedras para crianças que sofreram agressões em ambiente familiar.

Antônio, que seria viciado em bebidas alcoólicas, constantemente invadiria a casa da ex-companheira. Isso se dava de forma fácil porque L.C.S mora em uma residência que fica ao fundo da casa de Antônio; as duas residências pertencem à família dele. Mesmo proibido de se dirigir à casa do fundo devido à lei Maria da Penha, Antônio entrava na residência, sendo chamado posteriormente para dar explicações na delegacia. Um irmão dele, que reside em Cerquilho - SP tentou leva-lo para morar com ele, mas Antônio não quis.

Segundo registrado no boletim de ocorrência, no dia 14 de abril, por volta das 16h, Antônio novamente invadiu a casa e começou a aplicar socos e chutes em L.V.S, 15, filho de sua ex-companheira. Nesse momento, o garoto apanhou uma faca (de aproximadamente 25 centímetros entre cabo e lâmina) e golpeou o abdômen de Antônio com um único golpe, que teria atingido diversos órgãos vitais do corpo. Antônio foi encaminhado para a Santa Casa de Piracicaba, onde faleceu na madrugada do dia 17 (terça-feira) devido aos ferimentos. 

O garoto L.V.S foi ouvido pela delegacia, que encaminhará o caso para o fórum. Então, a promotoria vai decidir o que acontecerá com o garoto e analisará se o que ocorreu foi legítima defesa ou homicídio. 
   

 
Copyright © 2009 - 2017 - O RIO-PEDRENSE. Site desenvolvido por CM+P
Rua Massud Coury, 864, Bom Jesus, Rio das Pedras-SP - CEP: 13390-000 - Tel: (19) 3493-2156